Descanso das Letras

Discussão acerca de Literatura
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Poema em prosa

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1517
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Poema em prosa   Qui 25 Nov 2010, 21:15

Poema Tirado de uma Notícia de Jornal
(Manuel Bandeira)


João Gostoso era carregador de feira livre e morava no morro da Babilônia num barracão sem número
Uma noite ele chegou no bar Vinte de Novembro
Bebeu
Cantou
Dançou
Depois se atirou na lagoa Rodrigo de Freitas e morreu afogado.


Última edição por RONALDO RHUSSO em Qui 25 Nov 2010, 21:53, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1517
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Relicário aberto por meio segundo...   Qui 25 Nov 2010, 21:51




Ai! Amor... Aquela cor que tanto amamos e até gostamos de nos vestir...
Deixei sair a cada fato e cada ato valeu a pena!
Tu’alma amena em cada cena mostrou que em nada vai ser pequena.
Memória plena e até “sonora”, pois pôs pra fora até gemidos!
Meus mais queridos e resguardados momentos dedicados a te surpreender,
Vieram ter por meio segundo com esse mundo que não te merece.
Minha mais contrita prece te fortalece. Sim! A ti dá vigor.
Minh’alma agradece e se põe a sorrir por esse abrir ainda que temporário de meu relicário de nosso amor.

Ronaldo Rhusso


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1517
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Poema em prosa   Sab 27 Nov 2010, 18:25

Pausa

Acordei com esse gosto de mistério
que tens em tua pele.
Levantei tendo, ainda, na mente a prece oferecida...
Dediquei-me ao trabalho com dó dos que fazem por obrigação.
Dei essa pausa pra brincar com minhas amigas, as palavras...


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1517
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Poema em prosa   Sab 27 Nov 2010, 18:31

Pela vida dos animais...

Onde foi parar o plano original, segundo o qual, o homem era ser pensante?
Onde foi parar o montante de vidas ceifadas por mentes atrofiadas motivadas por apetite funesto?
Eu, pensador modesto, quase não protesto, a não ser por restauração do plano original!
Onde foi parar a alavanca que destranca e freia o desejo de sugar a energia que pertencia a seres que nem sabiam que, por eles, sentiam apetite voraz?
Eu é que nãome calo ante essa prole desavisada que sente a alma lavada e se regozija com desconhecimento dos fatos e com restos putrefatos se dissolvendo em seu interior...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1517
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Poema em prosa   Sab 27 Nov 2010, 18:48

Redundância

Esse momento tão lugar comum;
Tão desprovido da novidade,
Ainda me faz ter a garantia de que o ar continua a ventilar os meus pulmões...
E isso é maravilhoso!


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1517
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Poema em prosa   Sab 27 Nov 2010, 18:49

Blindado

Arroubos de urgência acometem a horda indômita e airosa.
Hei visto o trauma incandescente que faz ruir o simplório!
Espera é o que deixa o estagnar em refestelo inconsequente...
Achólogos uivam ao derredor e eu alço voo intrépido a buscar
As delícias reservadas no altaneiro Shangri-lá!
Inda hei de olvidar o gemido do franzino de mente!
Inda hei de acatar o meu anelo e eleva-lo ao cume dos santos.
Adeus é o meu sinal, e, afinal eu nem me vi nesse ápice do enrosco...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1517
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Poema em prosa   Sab 27 Nov 2010, 18:55

WARNING!

No rodopio da verdade
eu anseio o estopim.
Nada é mais dispensável
que o olor de trás da cortina...

Ah! Já dizia eu:
"Põe pra dianteira"!
"Toma um pouco dessa dose extra de às claras".

Não. Não muda o rumo
que o estuário é passível,
qual maré,
de mudanças bruscas, oras!

Quer flertar com esse povo abraâmico?
Ordena o teu caminho
e alisa a crina
da verdade
em esse espelho.

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1517
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Poema em prosa   Seg 08 Out 2012, 23:22


Sendas...

Dessa estrada em que caminho
trouxe flores comigo;
trouxe poeira nos pés
e também marcas de espinhos...
Mas há algo que temo:
ter deixado pétalas caírem,
ter esquecido do quanto,
de fato, doem os espinhos.
Esses são traços da estrada
Na qual trilhei e, sem medo,
Despi-me dos velhos sonhos
E de ilusões que guardava.

Agora busco, segura,
a não expectativa
do que é, decerto, incerto...
Contenta –me o natural
Como um raio de sol
que é com certeza sublime!
Ele derrete aos poucos
o gelo do que ficou
e faz sumir os maus traços
que o espinho em meu ser causou.

Rebeca Ramos
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1517
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Poema em prosa   Sab 02 Ago 2014, 21:01

Papito...

Eu hoje conheci essa figura qual quem conhece a lenda do errante! Qual quem visualiza o que é contrário... A mão que célere balança a mente!
O louco é argentino e tem nobreza, embora ache mais puro um bom jornal; um papelão, sobejo capital a isolar um chão rugoso e firme...
Já foi o Seu Miague, e o Vietnã achou de lhe adotar, filho do norte!
Esse episódio cômico bonito deu-se em 2010 em meio a Copa, quando um repórter viu olhos puxados como um sinal de que nosso argentino fosse um resignado vietnamita...
E por falar em Copa, eis que o filósofo ao ser interpelado pra quem torce num jogo entre os Hermanos e o Brasil só respondeu o que parece lógico: “ – Depende do lugar onde a partida entre essas duas forças talentosas forem digladiar os seus talentos. Pois sendo no Brasil, sou brasileiro! Não vou torcer por quem não faz a festa! Eu quero estar nadando é na alegria”!

Também achou de rir das fortes pedras que adornam Centro Histórico daqui. O louco ou são falou com seu tom sério que os que colonizados da Espanha ergueram estruturas, belas sólidas, ao troco de um nada ou muito menos, enquanto as pedras toscas portuguesas jogadas sem esmero a enfeitar as ruas onde o ouro escorregou em direção à Europa, sim, faminta demonstra que mais vale atroz preguiça, pois que o tempo corrói o que é perfeito da mesma forma que o que é descansado!

Papito é “doidia” mesmo e não se zanga! Se olham para o seu jeitão profeta, sorri e grita cheio de energia: “ – Setenta neles, povo brasileiro, pois meus setenta eu honro embaixo d’água”!

Ronaldo Rhusso lol! 
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Poema em prosa   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Poema em prosa
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1
 Tópicos similares
-
» Flor de Cerejeira - Sakura

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Descanso das Letras :: PRODUÇÃO LITERÁRIA :: Poema em Prosa-
Ir para: