Descanso das Letras
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.
Descanso das Letras

Discussão acerca de Literatura
 
InícioProcurarRegistarEntrar

 

 Poesias infantis

Ir para baixo 
5 participantes
AutorMensagem
HM Estork CCoelho

HM Estork CCoelho


Mensagens : 24
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 46
Localização : São Sebastião- SP

Poesias infantis Empty
MensagemAssunto: Poesias infantis   Poesias infantis Icon_minitimeSex 19 Nov 2010, 09:38

Circo


Tendas coloridas, cambalhotas, rosas, margaridas
A face do palhaço, misto de triste com engraçado
Algodão doce, maçã do amor, o sorriso caramelado.


O picadeiro, a arena aberta, o grito da criançada
A fantasia que descortina, que brota da palhaçada
A alegria de ser pequeno, tão pequeno, enfeitiçado.


Os balões que agora murcham e o riso já cansado


A face do palhaço, misto de triste com engraçado.


HM Estork CCoelho


clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown
Ir para o topo Ir para baixo
rommel

rommel


Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 34
Localização : São Paulo

Poesias infantis Empty
MensagemAssunto: Re: Poesias infantis   Poesias infantis Icon_minitimeSex 19 Nov 2010, 12:26

HM Estork CCoelho escreveu:
Circo


Tendas coloridas, cambalhotas, rosas, margaridas
A face do palhaço, misto de triste com engraçado
Algodão doce, maçã do amor, o sorriso caramelado.


O picadeiro, a arena aberta, o grito da criançada
A fantasia que descortina, que brota da palhaçada
A alegria de ser pequeno, tão pequeno, enfeitiçado.


Os balões que agora murcham e o riso já cansado


A face do palhaço, misto de triste com engraçado.


HM Estork CCoelho


clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown clown


A gente poderia compor, reunir aqui indrisos infantis e mandar para o Isidro publicar, ele vai adorar!
Ir para o topo Ir para baixo
http://www.poesiaretro.blogspot.com
HM Estork CCoelho

HM Estork CCoelho


Mensagens : 24
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 46
Localização : São Sebastião- SP

Poesias infantis Empty
MensagemAssunto: Re: Poesias infantis   Poesias infantis Icon_minitimeTer 23 Nov 2010, 06:31

Chuva

Gotas que caem do céu prateadas
Poças de água que se formam nas calçadas
Balé de guarda-chuvas coloridos


Confundem as ruas, jardins floridos
A criançada pulando animada
De corpo molhado e alma lavada.


São como as cachoeiras faceiras


São Pedro abrindo suas torneiras!


HM Estork CCoelho


cheers king queen jocolor farao santa rendeer study geek flower clown
Ir para o topo Ir para baixo
Eliane Triska

Eliane Triska


Mensagens : 48
Data de inscrição : 30/04/2012
Idade : 68
Localização : Canoas/RS

Poesias infantis Empty
MensagemAssunto: Re: Poesias infantis   Poesias infantis Icon_minitimeSab 05 Maio 2012, 15:05


COLORIDO APRENDIZ

Eliane Triska



Tentei saudar a Primavera
para saber como era.
Falar dos brotos quisera,
mas a sinaleira não deixa
eu parar, e faço queixa,
porque o que era lilás
ficou no banco de trás .
e o que era vermelho
fez tinta no meu cabelo.
A terra não quis o chão
sem roupa que, de pirraça,
tratou de fazer um colchão
de flores e muitas raças
com tranças envaidecidas
de colorido aprendiz.
E, de carona, num giz,
escrevo no azul do céu,
na passarela das flores,
usando todas as pétalas.
Do alto, como um condor,
saúdo a Primavera
declarando meu amor!




Ir para o topo Ir para baixo
RONALDO RHUSSO

RONALDO RHUSSO


Mensagens : 1546
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 52
Localização : Pitimbu - Paraíba

Poesias infantis Empty
MensagemAssunto: Re: Poesias infantis   Poesias infantis Icon_minitimeDom 06 Maio 2012, 21:44

Esse Poema está lindo, Hideli!
Não lembro de ter escrito direcionado a juvenis...
Uma hora dessas hei de tentar...


HM Estork CCoelho escreveu:
Chuva

Gotas que caem do céu prateadas
Poças de água que se formam nas calçadas
Balé de guarda-chuvas coloridos


Confundem as ruas, jardins floridos
A criançada pulando animada
De corpo molhado e alma lavada.


São como as cachoeiras faceiras


São Pedro abrindo suas torneiras!


HM Estork CCoelho


cheers king queen jocolor farao santa rendeer study geek flower clown
Ir para o topo Ir para baixo
http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Fiore




Mensagens : 19
Data de inscrição : 16/12/2010

Poesias infantis Empty
MensagemAssunto: Re: Poesias infantis   Poesias infantis Icon_minitimeSeg 07 Maio 2012, 16:35

Ronaldo.

Em 2007 tive o privilégio de publicar um trabalho só com poemas direcionados ao público infanto juvenil.

A resposta foi muito boa, principalmente de professores.

É isso aí.

Abraço e PAZ.
Ir para o topo Ir para baixo
RONALDO RHUSSO

RONALDO RHUSSO


Mensagens : 1546
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 52
Localização : Pitimbu - Paraíba

Poesias infantis Empty
MensagemAssunto: Re: Poesias infantis   Poesias infantis Icon_minitimeSeg 07 Maio 2012, 22:54

Compartilha um pouco conosco Fiore!

Sinto falta de tuas preciosas contribuições...

Aliás, cadê a Hideli, o Shafan, o Rommel...


Fiore escreveu:
Ronaldo.

Em 2007 tive o privilégio de publicar um trabalho só com poemas direcionados ao público infanto juvenil.

A resposta foi muito boa, principalmente de professores.

É isso aí.

Abraço e PAZ.
Ir para o topo Ir para baixo
http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Eliane Triska

Eliane Triska


Mensagens : 48
Data de inscrição : 30/04/2012
Idade : 68
Localização : Canoas/RS

Poesias infantis Empty
MensagemAssunto: Re: Poesias infantis   Poesias infantis Icon_minitimeQua 09 Maio 2012, 10:44

BRINCADEIRA NO PAPEL

Eliane Triska
Homenagem a Luisa Novakawski


Ah!. ..Que brincadeira gostosa!
Deixar que a imaginação
faça, de um simples cordão,
o jogo do passa-passa,
na brincadeira do anel,
que não quer nenhuma mão
e sobe como um balão
a fazer cócegas no céu!


Ah! ... Delícia é inventar!
Saltar de estrela em estrela,
no jogo da amarelinha,
das cinco-marias vizinhas,
que estão sempre a protestar,
querendo um novo arco-íris
trançado com outras cores
para poderem pular.


Que mundo tão engraçado!
Tem um palhaço abusado
roubando o sol encarnado
que, molhado não quer ver.
Até a estrela cadente,
transformo no sol poente.
Posso tudo é só querer!

Brincando nesse papel,
meu olhar grita de espanto,
letrinhas de mil jeitinhos
dançam alegres, cantando
Fico até desconfiada.
- Estarão me convidando?


Esfrego meus dois olhinhos
estou cansada de brincar,
meu bercinho me abraça,
com soninho, vou deitar.
Vem mamãe, bem de mansinho:

- Já é hora de acordar...



Ir para o topo Ir para baixo
Conteúdo patrocinado





Poesias infantis Empty
MensagemAssunto: Re: Poesias infantis   Poesias infantis Icon_minitime

Ir para o topo Ir para baixo
 
Poesias infantis
Ir para o topo 
Página 1 de 1

Permissões neste fórumVocê não pode responder aos tópicos
Descanso das Letras :: PRODUÇÃO LITERÁRIA :: Infanto-Juvenil-
Ir para: