Descanso das Letras

Discussão acerca de Literatura
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
AutorMensagem
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Qua 24 Nov 2010, 06:41

Justamente por ser uma forma pouco conhecida é interessante treinar... Proponho uma criação coletiva de sextinas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Qua 24 Nov 2010, 11:20

Vou começar:

Em pentâmetro iâmbico todos terminados em paroxítonos, ok?
(só de sacanagem)

Que seja assim agora como ontem 1
-
-
-
-
-


-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-


Última edição por JUDAHBEN-HUR em Qua 24 Nov 2010, 13:36, editado 2 vez(es) (Razão : Correção (Valeu Rommel!))
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Qui 25 Nov 2010, 20:26

RONALDO RHUSSO escreveu:
Vou começar:

Em pentâmetro iâmbico todos terminados em paroxítonos, ok?
(só de sacanagem)

Que seja assim agora como ontem 1
Que eu tenha o meu futuro como penso.
-
-
-
-


-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Qui 25 Nov 2010, 20:35

Paulo Camelo escreveu:
RONALDO RHUSSO escreveu:
Vou começar:

Em pentâmetro iâmbico todos terminados em paroxítonos, ok?
(só de sacanagem)

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos vindo da profunda entranha 3
-
-
-


-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-


Cadê tu, Rommel? Vam!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Sex 26 Nov 2010, 07:03

RONALDO RHUSSO escreveu:


Em pentâmetro iâmbico todos terminados em paroxítonos, ok?
(só de sacanagem)

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos vindo da profunda entranha 3 (Muito bom, mas não é pentâmetro iâmbico.)
e o mais sagrado amor, profundo, denso.
-
-


-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Sex 26 Nov 2010, 07:05

Paulo Camelo escreveu:
RONALDO RHUSSO escreveu:


Em pentâmetro iâmbico todos terminados em paroxítonos, ok?
(só de sacanagem)

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos vindo da profunda entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
-
-


-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Sex 26 Nov 2010, 07:42

pentâmetro iâmbico é aquele de intercalar uma tônica e uma átona? HELP!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Sex 26 Nov 2010, 15:25

rommel escreveu:
pentâmetro iâmbico é aquele de intercalar uma tônica e uma átona? HELP!
Pentâmetro iâmbico é a junção de cinco iambos.
O iambo é o pé feito por uma sílaba átona e uma tônica.

Assim não sou capaz de amar ninguém

Apenas há uma dificuldade (?): O pentâmetro iâmbico sempre termina com oxítona. E o pedido foi terminar com paroxítona. Ou seja: quatro iambos e um anfíbraco.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Sex 26 Nov 2010, 17:37

Em pentâmetro iâmbico todos terminados em paroxítonos, ok?
(só de sacanagem)

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos vindo da profunda entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
-


-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-


É assim?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 08:30

Em pentâmetro iâmbico todos terminados em paroxítonos, ok?
(só de sacanagem)

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos vindo da profunda entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando nos teus abraços 5
e teus abraços, com teu jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 08:49

Paulo Camelo escreveu:
Em pentâmetro iâmbico todos terminados em paroxítonos, ok?
(só de sacanagem)

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e teus abraços, com teu jeito brando. 6 (eu tirei a preposição "da" de meu verso, pois classifiquei-a como tônica (burrice!), mas esses dois possessivos "teus" e "teu"(um como tônico e outro como átono, mrestre Paulo?) Já o anfíbraco é o "só de sacanagem". Mas desqualifica totalmente o pentâmetro (outra burrice e essa não foi de sacanagem).

Que seja, então, assim, num gesto brando
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 11:23

Em pentâmetro iâmbico todos terminados em paroxítonos, ok?
(só de sacanagem)

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-

[/quote] Pode deixar assim mesmo. O pentâmetro fica entendido, mesmo com o anfíbraco no final.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 11:57

Devido ao erro, em minha opinião, gravíssimo na elaboração do exercício, a partir daqui retiro o cabeçalho, pois o mesmo não faz sentido...


Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando 6
igual a cada riso dado ontem 1
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-

[/quote] Pode deixar assim mesmo. O pentâmetro fica entendido, mesmo com o anfíbraco no final.
[/quote]
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 12:38


"Assim, as palavras (ou rimas) que aparecem na primeira estrofe, na seqüência de versos 1, 2, 3, 4, 5, 6, repetem-se na estrofe seguinte, na seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3. E se faz a a estrofe seguinte a seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3 em relação à estrofe anterior. E assim até a sexta estrofe, finalizando os sextetos. O terceto final tem, em cada verso, no início e no fim, as palavras (ou rimas) utilizadas no poema todo, na posição em que se apresentaram na primeira estrofe." Paulo Camelo.



RONALDO RHUSSO escreveu:
Devido ao erro, em minha opinião, gravíssimo na elaboração do exercício, a partir daqui retiro o cabeçalho, pois o mesmo não faz sentido...


Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando 6
igual a cada riso dado ontem 1
Os mesmos beijos rubros, teus abraços 5
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-

Pode deixar assim mesmo. O pentâmetro fica entendido, mesmo com o anfíbraco no final.
[/quote][/quote]



É assim? A gente repete as palavras e não as rimas, isto?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 13:00

rommel escreveu:

"Assim, as palavras (ou rimas) que aparecem na primeira estrofe, na seqüência de versos 1, 2, 3, 4, 5, 6, repetem-se na estrofe seguinte, na seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3. E se faz a a estrofe seguinte a seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3 em relação à estrofe anterior. E assim até a sexta estrofe, finalizando os sextetos. O terceto final tem, em cada verso, no início e no fim, as palavras (ou rimas) utilizadas no poema todo, na posição em que se apresentaram na primeira estrofe." Paulo Camelo.



RONALDO RHUSSO escreveu:
Devido ao erro, em minha opinião, gravíssimo na elaboração do exercício, a partir daqui retiro o cabeçalho, pois o mesmo não faz sentido...


Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando 6
igual a cada riso dado ontem; 1
os mesmos beijos rubros, teus abraços 5
os quais eu não mereço, qual eu penso... 2
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-

Pode deixar assim mesmo. O pentâmetro fica entendido, mesmo com o anfíbraco no final.
[/quote]



É assim? A gente repete as palavras e não as rimas, isto?

[/quote]

Isso aí, Rommel, porque rima não é exigência, embora tem gente que consiga fazer rimadinho e muito organizado...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 13:01

Colisão de postagens...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 13:04

Hã? Continuo ou espero o Camelo?
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 13:06

"Assim, as palavras (ou rimas) que aparecem na primeira estrofe, na seqüência de versos 1, 2, 3, 4, 5, 6, repetem-se na estrofe seguinte, na seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3. E se faz a a estrofe seguinte a seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3 em relação à estrofe anterior. E assim até a sexta estrofe, finalizando os sextetos. O terceto final tem, em cada verso, no início e no fim, as palavras (ou rimas) utilizadas no poema todo, na posição em que se apresentaram na primeira estrofe." Paulo Camelo.

[quote="RONALDO RHUSSO"]Devido ao erro, em minha opinião, gravíssimo na elaboração do exercício, a partir daqui retiro o cabeçalho, pois o mesmo não faz sentido...

Citação :

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
igual a cada riso dado ontem;
os mesmos beijos rubros, teus abraços
os quais eu não mereço, qual eu penso,
abraços que me deixam forte, denso.
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 13:15

"Assim, as palavras (ou rimas) que aparecem na primeira estrofe, na seqüência de versos 1, 2, 3, 4, 5, 6, repetem-se na estrofe seguinte, na seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3. E se faz a a estrofe seguinte a seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3 em relação à estrofe anterior. E assim até a sexta estrofe, finalizando os sextetos. O terceto final tem, em cada verso, no início e no fim, as palavras (ou rimas) utilizadas no poema todo, na posição em que se apresentaram na primeira estrofe." Paulo Camelo.




Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
igual a cada riso dado ontem;
os mesmos beijos rubros, teus abraços
os quais eu não mereço, qual eu penso,
abraços que me deixam forte, denso.
E sinto a força entrar-me pela entranha.

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
JUDAHBEN-HUR

avatar

Mensagens : 23
Data de inscrição : 19/11/2010

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 13:40

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
igual a cada riso dado ontem;
os mesmos beijos rubros, teus abraços
os quais eu não mereço, qual eu penso,
abraços que me deixam forte, denso.
E sinto a força entrar-me pela entranha.

O bardo é forjado já na entranha.
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 13:41

RONALDO RHUSSO escreveu:
"Assim, as palavras (ou rimas) que aparecem na primeira estrofe, na seqüência de versos 1, 2, 3, 4, 5, 6, repetem-se na estrofe seguinte, na seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3. E se faz a a estrofe seguinte a seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3 em relação à estrofe anterior. E assim até a sexta estrofe, finalizando os sextetos. O terceto final tem, em cada verso, no início e no fim, as palavras (ou rimas) utilizadas no poema todo, na posição em que se apresentaram na primeira estrofe." Paulo Camelo.




Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
igual a cada riso dado ontem;
os mesmos beijos rubros, teus abraços
os quais eu não mereço, qual eu penso,
abraços que me deixam forte, denso.
E sinto a força entrar-me pela entranha.

O bardo é forjado já na entranha.
Que tudo seja um canto doce e brando
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 17:01

"Assim, as palavras (ou rimas) que aparecem na primeira estrofe, na seqüência de versos 1, 2, 3, 4, 5, 6, repetem-se na estrofe seguinte, na seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3. E se faz a a estrofe seguinte a seqüência 6, 1, 5, 2, 4, 3 em relação à estrofe anterior. E assim até a sexta estrofe, finalizando os sextetos. O terceto final tem, em cada verso, no início e no fim, as palavras (ou rimas) utilizadas no poema todo, na posição em que se apresentaram na primeira estrofe." Paulo Camelo.
Citação :
Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
igual a cada riso dado ontem;
os mesmos beijos rubros, teus abraços
os quais eu não mereço, qual eu penso,
abraços que me deixam forte, denso.
E sinto a força entrar-me pela entranha.

O bardo é forjado já na entranha.
Que tudo seja um canto doce e brando
e me permita ouvir, suave ou denso.
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 17:15

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
igual a cada riso dado ontem;
os mesmos beijos rubros, teus abraços
os quais eu não mereço, qual eu penso,
abraços que me deixam forte, denso.
E sinto a força entrar-me pela entranha.

O bardo é forjado já na entranha.
Que tudo seja um canto doce e brando
e me permita ouvir, suave ou denso.
Talvez ressoe da forma qual foi ontem
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Paulo Camelo

avatar

Mensagens : 76
Data de inscrição : 18/11/2010
Idade : 69
Localização : Recife

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Dom 28 Nov 2010, 19:12

Citação :
Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
igual a cada riso dado ontem;
os mesmos beijos rubros, teus abraços
os quais eu não mereço, qual eu penso,
abraços que me deixam forte, denso.
E sinto a força entrar-me pela entranha.

O bardo é forjado já na entranha.
Que tudo seja um canto doce e brando
e me permita ouvir, suave ou denso.
Talvez ressoe da forma qual foi ontem
e o amanhã se mostre como eu penso.
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.camelo.recantodasletras.com.br
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   Seg 29 Nov 2010, 20:52

Que seja assim agora como ontem: 1
Que eu tenha o meu futuro como penso. 2
Desejos tão comuns à minha entranha 3
e o mais sagrado amor, secreto e denso. 4
Futuro azul sonhando em teus abraços 5
e nesses braços todo um jeito brando. 6

Que seja, então, assim, num gesto brando
igual a cada riso dado ontem;
os mesmos beijos rubros, teus abraços
os quais eu não mereço, qual eu penso,
abraços que me deixam forte, denso.
E sinto a força entrar-me pela entranha.

O bardo é forjado já na entranha.
Que tudo seja um canto doce e brando
e me permita ouvir, suave ou denso.
Talvez ressoe da forma qual foi ontem
e o amanhã se mostre como eu penso:
sem vil rancor e muitos mais abraços.

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
-
-
-

-
-
-
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
CRIAÇÃO COLETIVA DE SEXTINAS
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 5Ir à página : 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Criação/Manipulação de Campos de Força
» 3ª Expo Cloth Myth, 2 e 3 de Abril.
» Podcast Revolution #008 - Criação do Fórum Cloth Myth Revolution
» PAP Criação de uma coluna Grega
» Criações Livres

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Descanso das Letras :: PRODUÇÃO LITERÁRIA :: Sextina-
Ir para: