Descanso das Letras

Discussão acerca de Literatura
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 O soneto na atualidade

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2
AutorMensagem
Miguel Eduardo Gonçalves



Mensagens : 126
Data de inscrição : 19/04/2012

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Seg 14 Maio 2012, 05:45

-


Última edição por Miguel Eduardo Gonçalves em Qui 21 Ago 2014, 13:55, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Miguel Eduardo Gonçalves



Mensagens : 126
Data de inscrição : 19/04/2012

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sex 18 Maio 2012, 13:22

-


Última edição por Miguel Eduardo Gonçalves em Qui 21 Ago 2014, 13:55, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Miguel Eduardo Gonçalves



Mensagens : 126
Data de inscrição : 19/04/2012

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sab 02 Jun 2012, 10:23

-


Última edição por Miguel Eduardo Gonçalves em Qui 21 Ago 2014, 13:56, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Miguel Eduardo Gonçalves



Mensagens : 126
Data de inscrição : 19/04/2012

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Dom 05 Maio 2013, 18:04

-


Última edição por Miguel Eduardo Gonçalves em Qui 21 Ago 2014, 13:57, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sab 14 Set 2013, 09:57

N’gola¹

Khoisan, caçadores coletores,
dessa região eram nativos.
Povos simples; modos primitivos...
Tinham em seus corpos muitas cores.

Bantu, povos fortes migradores
vindos lá do Norte e muito altivos,
para serem donos exclusivos,
nos Khoisan causaram dissabores.

Logo, então, vieram portugueses
sempre visionários e em demanda;
foram conquistando cada banda...

Muitas coisas tristes; descorteses
tempos que doeram muitas vezes,
mas não tornarão feia à Luanda!



¹ título dos reis do Reino do Ndongo existente na altura em que os portugueses se estabeleceram em Luanda, no século XVI.


O texto acima é um eneassílabo com formato de Soneto, mas sem a Métrica correspondente. Usei o esquema de tônicas 1/3/5/9.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sex 04 Jul 2014, 08:18

Para dois amigos!
(On The Road...)


O chão que percorremos e as paisagens que nós vimos
aproximaram sonhos nossos, antes separados...
Amiga, não foi bom ver os sorrisos bronzeados?
Não deu outra vontade de sentir qual já sentimos?

O frio nos molestou, mas nos fez fortes e nós rimos!
E agora no retorno o Sol nos deixa animados,
de modo que lhe vejo, amada, em dias coroados
por planos que, antigos, soam fortes quais ouvimos...

Valeu cada quilômetro e podemos já curtir
calor que se aproxima e esse brilho que ofusca,
qual diz o italiano: é fato! É vero e nos chamusca!

O chão de sete estados pode outra vez unir,
embora o que pensamos mesmo foi em divertir
as nossas mentes, corpos, nossa mais saudável busca...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sab 05 Jul 2014, 10:36

Tipo assim...

Virei a página, mas lá estava ela
com seu perfume natural, infame.
No seu sorriso aquele brilho sádico
e estremeci, pois percebi, sou dependente...

Como se mata anos com suas lembranças?
Como se deixa para trás parte da gente?
Não há respostas, não existe explicação...
Olhar pra frente é sempre o tudo que nos resta...

Quem vai querer se dividir mais uma vez
e percorrer estrada íngreme e difícil?
Quem vai quer se contentar com outro vício?

Eu quero! Eu sou um descontente com o frio
das almas mortas, suicidas (pobres entes).
Eu tenho em mim manancial de amor e vida!

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sab 05 Jul 2014, 11:06

Ainda bem...

A face da morte é feia, dizem, mas eu nunca vi!
O brilho do riso queima, eu sei, mas tosto numa boa...
A vez da esperança humana chega, mas a gente ri.
E o tempo se alarga tanto! Não há mais prazer na selva...

Desci da ilusão e o susto fez-me ver outra verdade!
Bobeira esperar de quem não tem pra dar, pois é vazio...
Um dia sonhei em ter o Sol aqui na minha mão,
porém preferi a Lua e vi que não era o bastante!

Escolhas ruins fazemos dia a dia, não tem jeito!
Errar é humano e a gente sabe, mas quer ser perfeito.
Duvido que haja alguém que não provou algum veneno...

Metáforas uso, sou somente arauto de mim mesmo,
mas posso tocar bem fundo no seu eu, sou visionário
que nunca lucrou com dor ou com a fé de gente incauta...

Ronaldo Rhusso

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sex 08 Ago 2014, 11:12

Que massa!

Minha vida é um Soneto inacabado,
cuja métrica resvala em euforia
que transborda em versos cálidos e tintos.
Veja Lena, a chuva púrpura caindo!

Tentadores esses olhos me espreitam
e eu sorrio... Queres tu me dar o trato?
Teu abraço é algo assim qual tenro ninho
que me aquece a tez, a alma, aquece tudo!

Desembainho minha espada... Eis peleja!
Tu já loba, vens voraz e eu gosto tanto...
Sinta o olor dos nossos líquidos mixados!

Quem quer ver que horas são ou onde estamos?
Ofegante, pareceu-me estar na Lua!
Tudo é leve sem a culpa, sem o trauma...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Qui 11 Set 2014, 03:46

Essa sina...

Prosseguem os poetas com palavras enfeitadas
deitadas sem acaso pela argila ou pó da vida...
Transformam o que era feio, o que era imensidão de enfados
em molhos de quimeras, molhos que a viver convidam.

Deturpam dores todas, agem qual mal fosse nada,
flertando com o dia esses poetas são bem vindos
em frágeis corações quebrados, tintos, rejeitados
que pensam nos poetas como solução pra lida!

Mas esses tolos dados a mexer com as palavras
são pó, também, e sofrem com a merda desse mundo!
Abraçam, sem querer, a dor de outrem, o mal infindo...

Não podem esquivar-se de dizer toda a verdade.
Lamentam cada morte, mas entendem ser absurdo,
pois a maior desgraça para o ser é ter nascido...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sex 19 Dez 2014, 09:19

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Seg 05 Jan 2015, 15:29

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Qui 08 Jan 2015, 10:54

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Qua 06 Maio 2015, 05:53

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Qui 07 Jan 2016, 20:47



Soneto Decassílabo em “Gaita galega ou Moinheira” com Tônicas nas 4as, 7as e 10s sílabas poéticas.
Elvis Aaron Presley nasceu no dia 8 de janeiro de 1935. Iniciou a carreira na Década de 1950 e revezou-se atuando e cantando em dezenas de filmes. Considerado o pai do Rock, era vítima de preconceito pela forma frenética de dançar, por propagar uma música que era considerada deturpadora de valores familiares e pelos negros que clamavam pela paternidade do estilo, mas que não tinham espaço na mídia da época!
¹ Original "I Forgot To Remember To Forget" seu primeiro Hit a chegar no topo da Billboard.
² Por sua capacidade vocal de atingir notas musicais do baixo ao tenor era chamado de A Voz.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sab 16 Jan 2016, 05:54



 

N’gola, título dos reis do Reino do Ndongo existente na altura em que os portugueses se estabeleceram em Luanda, no século XVI.
 
O texto acima é um eneassílabo com formato de Soneto, mas sem a Métrica correspondente. Usei o esquema de tônicas 1/5/9.
 
A 16 de janeiro de 1975 foi firmado em Lisboa o acordo para a independência de Angola.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   Sab 14 Maio 2016, 16:06

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Quase lá!   Seg 16 Maio 2016, 00:49




Esse Soneto, o compus no dia 6 de novembro de 2013 e recebeu toque especial do Mané do Café que o interpretou com a música do “Fado Pimbinha”!

Mas hoje...

PASSEATA DE 16 DE MAIO...
Os estudantes espancados,
socorridos por suas mães,
gritavam o nome (revoltados):
Antônio Carlos Magalhães...

A Passeata de 16 de maio foi um ato político ocorrido em 2001, em Salvador, Bahia, contra o então senador Antônio Carlos Magalhães. A passeata contou com mais de oito mil pessoas, entre sindicalistas e, principalmente, estudantes; a maioria secundarista. O movimento foi brutalmente reprimido pela Polícia Militar da Bahia no campus da Universidade Federal da Bahia, bairro do Canela.

Foi quando ele, ACM, o pilantra avô, fraudou o painel eletrônico do Senado...
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: JOÃO DO PULO... ------ RONALDO RHUSSO   Qui 28 Jul 2016, 10:54



"Bom... Tem os textos com menos de dez sílabas poéticas que, por causa da formação 4/4/3/3, também são chamados de Sonetos... Há, também, textos com mais de doze sílabas poéticas e, no mesmo formato, são também, chamados de Sonetos em versos denominados de “estrambotes”. Não vou compor esses tipos de textos. Não os vejo como Sonetos. E, de fato, não são, mas as milhares de Academias e Associações de poetas e escritores, que parecem até igrejas e nascem aos montes o tempo todo, aceitam esses formatos como “Sonetos na atualidade”. É claro que a incompetência faz a apologia, assim qual a ocasião, dizem, faz o ladrão. De minha parte, escrevi esse Dodecassílabo acima, que chamam de Soneto Dodecassílabo Heroico apenas com o intuito de encher linguiça mesmo..."

“Em 27 de julho de 1976, João Carlos de Oliveira, o "João do Pulo", ganhou o bronze no salto triplo, na Olimpíada de Montreal. No ano anterior, nos Jogos Pan-americanos do México, teve sua maior glória. Com um salto de 17,89 metros, entrou para a história com um recorde mundial que levaria 10 anos para ser superado. Vale lembrar que em 1980 ele quebrou o próprio recorde nas Olimpíadas de Moscou e foi descaradamente roubado com o intuito de beneficiar os atletas da casa. Árbitros desgraçados"!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: CATÁSTROFE   Sab 19 Nov 2016, 11:22



O Sismo de 1755, também conhecido por Terramoto de 1755 (ou ainda Terremoto de 1755, no português brasileiro), ocorreu no dia 1º de novembro de 1755, resultando na destruição quase completa da cidade de Lisboa, e atingindo ainda grande parte do litoral do Algarve. O sismo foi seguido de um maremoto - que se crê tenha atingido a altura de 20 metros - e de múltiplos incêndios, tendo feito certamente mais de 10 mil mortos (há quem aponte muitos mais). Foi um dos sismos mais mortíferos da história, marcando o que alguns historiadores chamam a pré-história da Europa Moderna. Os geólogos modernos estimam que o sismo de 1755 atingiu a magnitude 9 na escala de Richter.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: O soneto na atualidade   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
O soneto na atualidade
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 2Ir à página : Anterior  1, 2

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Descanso das Letras :: PRODUÇÃO LITERÁRIA :: Soneto-
Ir para: