Descanso das Letras

Discussão acerca de Literatura
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Versos livres ou versos brancos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 12 ... 23  Seguinte
AutorMensagem
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Qui 25 Nov 2010, 01:34

Gêmeos

Entre róseo e lindo ébano aurelando os dois montículos,
Vejo uma infinidade que matiza pomos tantos.
Eis que uns avantajados são caminhos e os percorro
Linguajando em alpinismo agradável de fazer.
Tem, também, os pequeninos, eriçados e durinhos;
Todos doces com pitadas de um amargo amendoado.
Não importa se cansados ou quais peras madurinhas,
Todos são mui desejados, e eu, criança, os gosto muito.

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Quem ama não mata!   Qui 25 Nov 2010, 21:43



Se eu te pedisse deixarias de matar a tua alma?
Se interessasse, darias basta a esse tapar de narizes?
Onde os matizes tão vibrantes se perderam?
Se esconderam ou a morte os achou?
Se eu pudesse encontraria a solução e me daria como opróbrio a ser queimado!
Mas que valor seria dado à oblação?
Dirias não ao vão ciúme que te traga?
Veria praga em viver e não servir?
Deixa delir de tua mente a ignorância!
Respira a ânsia de entender o que se espera!
Não é quimera querer mundo mais humano.
Não é engano almejar sobriedade...
O que me invade é tão mais que utopia!
O que eu dizia é que o mundo agoniza!
Vai! Prioriza essa dádiva divina.
Que seja a sina consertar o que é terno
E que o Eterno te convença a não matar.
Olha pro mar e vê que as ondas não desistem!
Elas persistem no ir e vir e nos ensina
Que a doutrina a ser seguida é complacência
Com a anuência em morrer, mas não matar;
Ressuscitar e novamente ir à praia
Antes que esvaia o sêmem que é tão importante...
Nosso montante dessa Terra, mãe bonita!
E a praia grita que nos quer a lhe limpar!
Quer o beijar que fortifica e enobrece.
Essa é a prece ao humano que inda pensa...
Não é tão densa mas à alma arrrefece.

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Desir   Qui 25 Nov 2010, 21:54

Trato co’a palavra
É trato co’a serpente
Que entorna o caldo
Do pensar em débeis
Linhas...

Trato co’a demência
É trato co’o Universo
Estampado na pauta
Que pariu cada verso
Em antítese co’o tempo.

Trato co’o cilício
É trato com masoqui,
Com sofrido e gasto
Suporte de tez miúda
Governada por mente
Ataviada à forca léxica
Do sabe nada e arrota
Letras mortas...

Ronaldo Rhusso


Última edição por RONALDO RHUSSO em Sex 02 Maio 2014, 01:00, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Tundras...   Qui 25 Nov 2010, 21:56



Lobo não grita,
apupa pra lua.
O filho da outra
alterca alternando o verso exaurido
e o entrega animado chupando balinha.


A tosca ironia envolve
âmago hirto.
Tronxura enfeitada advinda do zero.

Até nobre pedra, ou mais pra sarilho,
escoa absurdos e exorta ao que finge!

Dandá pra ganhá tem-tem!
Dandá pra ganhá borralho...

Antigo era lindo e o novo era azul. Achei outro nome e armei pra mim mesmo. Orgulho inda tem o maço almejado!

Pai Francisco tava certo:
O xilindró descansa a alma...


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sex 26 Nov 2010, 09:47

Sempre...

Não danço,
pois canso a memória,
ou danço,
deitado, esse fado
e o enfado
das horas que passam
amassam
meu louco existir...

Ronaldo Rhusso


Última edição por RONALDO RHUSSO em Sab 29 Nov 2014, 10:42, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sex 26 Nov 2010, 11:21

Adorei
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sex 26 Nov 2010, 13:20



OUTRAS ÁGUAS


É pau, é pedra, é NADA!
Porque as águas de março
Eu também choro e grito no Natal


Rommel Werneck
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sex 26 Nov 2010, 17:52

Karinna escreveu:
Privilégio*

Insano o brilho do poema
Estrela condenada ao amar
Reluzente o bordado, a trama
Constelação do verso é seu lugar


Luzeiros ou letras apenas
Levitando em linhas brumas
Palavras em promessas serenas
Melodias belas em espumas


Terno o verso que te digo amor
Recito-te e de longe te venero
Na Poesia desfaço-me da dor


Que se despede sem mistérios
Por ti em cada sonho que almejo
Amar-te é meu doce privilégio...


Karinna*

*Sem métrica.


Na verdade, tem métrica pq todo verso possui seu metro. Neste caso, são versos livres, não obedecem a um esquema regular, mas continuam apresentando suas medidas. Acho que foi Quintana que escrevia versos livres em forma de soneto, mas deixava claro que era "poema de versos livres em forma de soneto"
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sex 26 Nov 2010, 18:54

Karinna escreveu:
*Adorei! Isso mesmo: sao versos livres em forma de soneto!
Grata Rommel!
Beijos
Ka*


Imagina
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Orando em todo o tempo, sem cessar...   Sab 27 Nov 2010, 17:56

Sem cessar... (on and on)

Pela manhã inicio as laudes,
ainda soturno...
É meu diurno compromisso com o Eterno.
Há um Inverno em meu coração!
Há um sermão em minha mente...
Sou monge carente da força de D'us...

Às doze e às quinze, as médias me reanimam.
Dizimam de mim essa dor que me angustia.
Quase final do dia e eu ainda penso em meus pecados...

As vésperas me são propícias!
Sinto as delícias da Comunhão!
Sinto melhor o chão e me quedo confiante.
Sou vero amante e meu sustento é a oração.

Faço as completas nas horas cheias
de fé, de carência do afago do Mestre...
Faço de cipreste minha arca qual relicário...
Sou legionário e vivo pelo Amor que me sustenta!
Orienta-me...
Então, feito monge menino,
oro esse ofício divino.


Ronaldo Rhusso


Última edição por RONALDO RHUSSO em Sab 29 Nov 2014, 11:29, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Parece fácil...   Sab 27 Nov 2010, 18:24

Parece fácil optar por Deus, por Seus conselhos, Seu doutrinar...
Parece fácil estar à margem da Lei divina, mas minh'alma abomina. Ai! No que vai dar?
Parece fácil deixar para trás um amor tão eficaz, tão sincero e ardente...
Parece fácil ficar plangente e olhar pra frente e nem ao menos enxergar...
Parece fácil quando o ar nos falta e a alma incauta suplica aos céus por uma chance!
Parece fácil, parece romance, mas a dor que fica estupra o existir!

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 27 Nov 2010, 18:40

Preciso mudar...


[size=12]Preciso mudar meu hábito. Ele tá sujinho!
Preciso retirar a sujeira; Dessa maneira ele se estraga!
Preciso mudar o hálito. Ele tá me envergonhando!
De quando em quando um ou dois tabus vou derrubando!
Preciso mudar de rua. Foi lá que a vi nua num lance de prima vez!
Preciso corar a tez. Livrar-me da palidez que em minha alma atua...
Preciso precisar o momento. Meu intento é soberano.
Preciso sair do cano. Aliás, esse é o plano: Num mano a mano dar duro nela!
Preciso mudar a tela. Mudar matiz, mudar feliz, mudar co'a Bela!
Preciso mudar o vício. Será o sacrifício da carne de carneiro. Do armistício!
Preciso deixar indício de que desperdício é esparrela!
Preciso mudar a dança, mudar passos de cama... Mudar a trama que se anuncia.
Preciso mudar a pia. Se esse pingar pára vai me deixar de cara... Vai-se a fantasia!
Preciso mudar pro dia. Dormir noite a dentro senão nem "guento"... Sai, paralisia!
Sai, mente vazia! Bem vinda, ó alegria!


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 27 Nov 2010, 18:51

Ou não...

Por certo não houve o acerto
o arresto de tudo o que outrora
era mora, era lodo, era tudo
e bem mais por nem ter
essa coisa que eu chamo
vergonha na cara.

Por certo o absurdo de estar
encoberto e por perto
da zebra encantada
haveria de dar
outro tom,
outro toque.

Talvez nem se saiba
a quem dar esse toque
e o arbusto encobriu
toda essa ignorância
estampada no verso...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 27 Nov 2010, 18:53

Talhado

Na pausa da valsa morna
a parede se abre em véu.
Ah! Se é besteira esse esconder de fala,
eu falo que nada a ver!

Essa espada escondida em pedra
não tolhe o talento inrustido!

Ah! E eu disse a mim mesmo:
poeta, ampara a arte porque é o importante!

Se eu nem sou do mundo
haveria de ser dos que julgam os que são?

Tenho razão pra sorrir, pois não quero
saber dessas doidas estradas...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 27 Nov 2010, 18:53

Penso que sim!

Eu disse a mim mesmo
que a partir do agora
haverei de, acordado,
anelar algo grande
pra ter como sonho.

Eu disse e a esmo
que o devir não importa
a não ser que me traga
o brilho perdido.

Eu disse, inda lembro,
que não vou chorar
por causa da morte.

Eu disse, acredito,
que a dor não é nada...

Eu disse?

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 27 Nov 2010, 21:10

E ele me disse:

Tá! Eu leio os versos,
os dispersos por transversos
quando imersos em diversos
sons de ti!

Tá! Eu leio pleno,
mas sereno eu leio tudo...
Sempre mudo.
Sempre (t)eu.

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 27 Nov 2010, 23:04

Acervo...


Não tenho tempo para flores,
amores, cores, dores novas!
Não gosto de palavras duras,
puras, juras e curas frágeis...
Orquídea, sois assim tão triste!

Sois linda e tão perfumada...
Quem ao vosso olor oh! resiste?

Só existe e em riste esse dedo
que aponta outra ponta deixada...
Os meses transcorrem e é fato:
sou nato, sou vate e o recato
não cuida que sou de outra era;
quimera austera e sofrida
sem brida, sem lida tranquila...


Cavilas e a fila? Essa anda!

Quem manda abranda em palavras
das lavras e entravas complexas
anexas ao meu pensamento.

Sou vento, unguento e outro tanto!

Ao pranto quebranto, sou forte!
Consorte de porte bonito,
sou mito e me espalho no Encanto
com letras, sem tretas... Poesia!

Havia! Dizia Leninha
que é minha até Eternidade...

Ronaldo Rhusso


Última edição por RONALDO RHUSSO em Qui 07 Mar 2013, 14:05, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 28 Nov 2010, 01:15

Fazer o bem sem olhar a quem? Fria!

Eu gosto do bem e penso que ele também gosta de mim.
Ando meio que sem muita vontade de deixar manifestar esse meu lado...
Dei uns kilos pr'aquele moço e ele vendeu os kilos na outra esquina;
Dei pra uma menina um coração meio usado.
Vi que ele foi deixado, em pleno inverno, de fora de sua vida...
Dei um abraço em meu traidor e ele disse que a dor me fez pedir "penico"!
Dei do meu rico versejar só pra notar que as verdades enrugam faces despeitadas..
Ando meio que sem vontade alguma de fazer o bem.
Acho até que o bem já está feito, mas vive preso em interiores egoístas...




Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 28 Nov 2010, 10:20

Obsoleto


Obsoleto invejar e não poder ter/ser igual...
Obsoleto festejar e convidar a fim de também ser convidado...
Obsoleto não ter e querer dar e crer que tentar é tal e qual virtude.
Obsoleto, do Ramalho, o amiúde (é que não pude deixar de mencionar)...
Obsoleto buscar aonde ir quando nem se sabe onde está;
Obsoleto, obsoleto individualismo e qualquer ismo desprovido de ardor...
Obsoleto julgar e apontar de dedo quando dedos da mesma mão apontam para sí.
Obsoleto... Obsoleto...
Obsoleto suplicar por chuva em belo e límpido dia de sol!
Obsoleto suplicar por sol em dia de chuva que vivfica...
Obsoleto reclamar da comida quando tem gente que nem sabe o que é isso!
Obsoleto jogar lixo nas calçadas porque o gari ganha para limpar...
Obsoleto dizer "Fiz a minha parte!" Se minha parte é aparte e nem parte de mim...
Obsoleto... Obsoleto...

Ronaldo Rhusso



Última edição por RONALDO RHUSSO em Dom 28 Nov 2010, 10:22, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 28 Nov 2010, 10:21

Paixão!



Um derrame de ilusão
Que em vão vem e aflora!
Sem demora esse vulcão
Que é tão gás que estopora...
Vai embora maléfico sentir!
Vai cair em outro lugar!
É só deixar outro raca curtir;
Se combalir e querer regressar.
Não vai dar mais em mim, parasita!
Evita meu nome clamar!
Meu lugar é terra inaudita.
Tua desdita não vai mais me enlaçar.
A quem enganar? Quem acredita?
A maldita paixão quer ficar...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Seg 29 Nov 2010, 22:08

Blue

De onde tiro essa força?
Sim me forço a entender...
De onde me nascem sonhos?
Eu preciso acordar
num acordo co'a vida,
num acorde plangente,
onde a cor vem à mente:
puro azul de tristeza...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1515
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Ter 30 Nov 2010, 20:05

********

As horas nos observam, curiosas,
Comovem-se com esse amor intenso e denso.

As horas percorrem, calmas, nossa distância.

Se buscam compreender, disso não sei!

Cada gota desse se dar sem que se receba
Assombra, fatalmente, as horas...

Cada momento sem um ao outro
Dissolve aos poucos esse sorrir das tristes horas...

As horas observam, percorrem e cada gota, cada momento
Não se conformam com esse amor que é tão intenso e tão quimera!

As horas revelam força, mas a tristeza, que à força bebem
Atrasam risos e outros brilhos tão necessários a esses dois mundos
Em dimensões que são reais, mas paralelas...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Mariah Bonitah

avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Paixão que enlouquece   Qui 02 Dez 2010, 09:02

Colo em minha face
versos puros,
Roçando meu peito em rosas,
Fundindo meu ventre
nas estrelas.
Busco raios e girândolas
Entre os brilhantes
chuviscos do prazer.
Busco da pólvora no ventre,
Que
eletriza as contrações do êxtase...
Busco o beijo que acende a
minha boca
E incendeia meu corpo.
E louca de prazer te
ofertarei o troco
De todos os teus atos.
Entrego-me a luxúria
santa
Do pecado da mulher insaciável.
Não defenderei a paz,

Antepor-me-ei a guerra
Rasgando o corpo no sexo voraz.


E então o mundo sofrerá um sismo...
Faltando água beberei beijos

Faltando pão almoçarei flores.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paisagemdeamor.blogspot.com/
rommel

avatar

Mensagens : 186
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 29
Localização : São Paulo

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Qui 02 Dez 2010, 14:57



Aux Armes!


Eu quero declarar a guerra
E te ver chorando suplicando por mim
O choro, somente o choro hostil
É que vai formar ritual e prece!
Por isto quero ver sangue, sangue...


Venha até mim pedir beijos e abraços
E na minha boca sedutora encontrarás o fel
O veneno surpreendente que tu clamas
O perfume que cai da barba que tu gostas
E os braços viris com força e ódio
Por isto, queres ver sangue, sangue....


Às armas nós vamos porque eu bem sei
O quanto gostas de mim e há no clamor
Na doce humilhação o meu sonho
Porque já não há no mundo mais sabor
Do que em sangue, em sangue....


Rommel Werneck

Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://www.poesiaretro.blogspot.com
Mariah Bonitah

avatar

Mensagens : 16
Data de inscrição : 16/11/2010

MensagemAssunto: Rosas não...   Qui 02 Dez 2010, 16:40

Rosas não

Não quero as rosas...
Um sem fim de pétalas e aromas.
Seu perfume agride,
seus espinhos ferem,
prazer e dor carmesim,
roda do fim.
Deixe-me o silêncio
quase amigo, sem cor, inodoro...
Um afago na solidão.
Rosas ocupam espaços,
onde houve desejo,
amor ao amanhecer,
entardeceres de orgasmos
e romances ao por do sol.

Não rosas...

Deixe teu cheiro
nacarar minhas lembranças...
teu corpo lembrado nos lençóis,
amassados de noites vazias,
onde já não te encontro amante.

Rosas não!
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://paisagemdeamor.blogspot.com/
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Versos livres ou versos brancos
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 2 de 23Ir à página : Anterior  1, 2, 3 ... 12 ... 23  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Acidente Aqueduto das aguas livres em Lisboa
» Auditório
» MD-11 "FIRST FLIGHT" - Winglets refeitos, opiniões são benvindas!
» Olá!
» Criações Livres

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Descanso das Letras :: PRODUÇÃO LITERÁRIA :: Versos Brancos-
Ir para: