Descanso das Letras

Discussão acerca de Literatura
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 Versos livres ou versos brancos

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 14 ... 23  Seguinte
AutorMensagem
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sex 29 Abr 2011, 18:13

Cansado demais...

Careço de tento,
de tempo incomum,
de teia de espaço
e de dorso nu.

Careço de horas,
de sombras ardentes,
de louca agonia
e do brilho audaz.

Careço das somas
de dois fatos certos:
o seu e o meu
amores reais!

Careço dos ombros
que até me sustentam,
mas me dizem não
se peço outra chance.

Careço de tudo
ou mesmo de nada.
Careço da fonte
bebível, é certo...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sex 29 Abr 2011, 20:55

Degraus


Na melhor das hipóteses
refrigero.
Na medida dos sonhos
acalento.
E na força do amor
te sustento.

Se me dizes que quer,
também quero.
Se vês o devaneio,
oblitero!

E na força do verso
não aguento...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sex 29 Abr 2011, 21:03

Mais nada!

Não digo que entendo,
que sei,
que conheço
ou que já vi.

Não digo é fácil,
é difícil,
é sofrível
ou que é normal.

Não digo nada...

Só oro.

Oro.

Só.


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 08 Maio 2011, 08:02

FOI NUM DIA "DAS MÃES"


Eu sei que te sentes triste e inexiste-te este dia...

Eu sei que tu me dirias: "- Filho é tola tu'agonia"!

Mas sinto inda dores terríveis!

Sinto-me nu, cego e pobre.


...

Ah! Mãe eu queria outra história;

dessas de contos comuns,

onde a vitória é certa;

onde o menino não cresce

e não se fala em violência.





Parei de andar como dantes

e, sei, te sentes culpada.

Mas ademais quero o sonho

onde eu só era o Rhussinho

e era diabo loirinho!



Rio de tantas proezas;

da fuga para alto mar;

da explosão na igreja

e das caídas do altar;

dos campeonatos da vida,

orgulhos que te excitava;

do navegar, soberano,

por mares, ares diversos...



Mãe eu tive mais mulheres

que poderia entendeer;

tive amantes leais;

uma ou outra mais louca!

Mãe eu provei muitos seios,

mas o teu seio é o sagrado!





Não vou ligar-te: é praxe!

Pois tu bens sabes, morri

num desses dias que dizem

ser para as mães surreais.



Mas resolvi te escrever,

já que tu mesma ensinaste

esse poeta pequeno o segredo das palavras.



Mãe eu não sei te amar

como se ama o inefável,

mas tou aqui e meus olhos

ardem por causa do sal

que também lava a tristeza.





Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 08 Maio 2011, 08:20

INSANIDADE PERFEITA!

No influxo da praia da vida,

De ti, querida, bebo audaz;

Em teu cais aporto minha nau;

Em teu vau penetro capaz...

Então jaz tristeza sentida;
...

Embevecida minh'alma te traga!

É saga quase indevida;

Dentro em ti a glande naufraga.

Essa vaga algures de teu ser

Faz-me ter tremores de maleita!

Suspeita-se quase morrer;

Fenecer d'alma satisfeita

Que aceita teus gêmeos sorver

E adormecer... Insanidade perfeita...



Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Fiore



Mensagens : 19
Data de inscrição : 16/12/2010

MensagemAssunto: Mosca   Dom 08 Maio 2011, 15:21

MOSCA

O zunido da
Mosca
Zoando
Nos ouvidos
Azucrina e
Zanga
Os homens
Ranzinzas.


Fiore
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 08 Maio 2011, 17:00

Sou eu

Sou velho na alma,
Na falta de calma
Do íntimo verso.

Sou simples reverso,
Idoso e imerso
Em terrível trauma!

Eu sei, sou disperso
Do inverso que encalma
E em mim espalma
A dor do Universo!


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 08 Maio 2011, 17:17

Sério!

Eu também falo de sonhos
E eu me ponho empoleirado
Nos ombros da mãe esperança...

Eu também giro ligeiro
Nos calcanhares cansados,
No rodopio do intento...

Eu também gosto de ter-te
Como quem possui um dom
E nesses versos ligeiros
Deito em tu’alma, ó Prenda!

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Convidad
Convidado



MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 08 Maio 2011, 18:01

...


Última edição por Karinna em Qua 13 Jul 2011, 10:23, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 08 Maio 2011, 22:23

Na ponta dos cascos...

Tramo sonhos envolvidos
Pelas nuvens que imagino
Serem de melhor agouro,
Já que a força é-te inerente!

Tramo versejar insone
Derramado em fria tela
Tal qual um bilhete frágil,
Já que teu olhar é puro!

Tramo tudo, tramo nada,
Posto que fosse a vontade
Desnudar essa tu’alma
E enroscar-me em alva tez,
Já que sentes-me daí,
Fico a contar os carneiros
Como bugre sem a china,
Sem amargo e sem pilas,
Chorando as pitangas, Prenda!


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Ter 10 Maio 2011, 22:05

Princípio e fim...

Eu trago no ventre, no centro do eu
aquilo que prezas até mais que aquilo
amado por muitos e nem sempre amado
apenas por que tem valor apenas
para poucas mentes assim como a tua para
desejar o que é belo, pois belo é sempre o melhor a se desejar...

Prendo teu olhar a mim e anelo que o teu a mim me Prenda...


Ronaldo Rhusso


I love you I love you
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Qua 11 Maio 2011, 22:21

Igualzinho!

Está tudo tão claro! Tão raro...
Dentro em mim há um rio turbulento
a querer desaguar em teu mar
que me atrai e me toca profundo
e, eu, no fundo, despi meus temores!
Dentro em mim a canção é a mesma
e o pássaro azul eu persigo
acertando as contas c'o tempo
e remando, remando... Ah! Prenda!
Eu sou só um plebeu em teu reino,
inda assim não me importo, sou forte!
Haverei de dormir nessa nuvem
e esse frio não altera a quentura
atracada em meu cais costumeiro.
É que sem ti é tal qual sem mim.
É tal qual o deserto em chamas...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 14 Maio 2011, 22:46

Às vezes também descanso.

Embrenho-me inda mais no mato
E minha bagagem é leve:
Teu coração envolto no meu,
Teu cheiro não sentido no bolso da frente,
O olhar emoldurado e dorido
E sonhos inversos e diversos...

Às vezes também descanso.
Olho o aparato de metal que brilha,
Dedilho um poema,
Descerro minh’alma
E digo: eu te amo!

Às vezes também descanso...


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 14 Maio 2011, 22:52

Imagem é assim tão nada...

Sou lindo,
Diverso,
Confuso,
Metade,
Errôneo,
Só anjo,
Só teu...
Mais nada!


És linda,
És forte,
Mulher...
Que Prenda!
Sofrida,
Poeta
Que atrai
E já subtraiu de mim o eu mesmo...


Ronaldo Rhusso


Última edição por RONALDO RHUSSO em Dom 15 Maio 2011, 20:47, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 15 Maio 2011, 20:52

Palavras pontes...

Essa distância é coisa de somenos, Prenda minha!
Não há saudade, perda, vazio ou hiato,
pois que estás dentro de mim!

Essa distância é coisa de somenos, Prenda minha!
Não há maldade, desterro, fuga, procura vã,
pois que estás dentro de mim!


Essa distância te assusta, desperta para a falta que me fazem asas fortes...
Mas estou aqui.
Estou aqui.
Aqui...

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 15 Maio 2011, 21:31

Leal...

Quimeras são invenções, querida!

Amor transpõe, depõe e põe o encanto!

Tristeza impõe a dor e a cor que eu tenho é linda!

Deixemos nosso sonho ousar ser puro e santo,

a fim de que meu canto abrace tua alma!

...

Ah! Moça, como anseio o teu sorrir tranquilo...

Alterno o circundar meu verso com ternura

e todo esse meu ser que entalha em ti fervor!

A vida é calabouço ornado por surpresas!

E tu, ó Prenda minha, és a maior de todas!

Agora eu digo: - Calma! O amor tem seus direitos!

Se cuida em maquinar que essa distância oprima

é só pra que uma Ode eu faça para ti

e te toque ligeiro antes que o mal desperte.

...

Aqui sem medo ou termo eu me derramo em sons,

e, se te apraz, ainda, lembra que sou teu.





Ronaldo Rhusso




Última edição por RONALDO RHUSSO em Seg 16 Maio 2011, 08:42, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Fiore



Mensagens : 19
Data de inscrição : 16/12/2010

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Seg 16 Maio 2011, 04:59

RONALDO RHUSSO escreveu:
Palavras pontes...

Essa distância é coisa de somenos, Prenda minha!
Não há saudade, perda, vazio ou hiato,
pois que estás dentro de mim!

Essa distância é coisa de somenos, Prenda minha!
Não há maldade, desterro, fuga, procura vã,
pois que estás dentro de mim!


Essa distância te assusta, desperta para a falta que me fazem asas fortes...
Mas estou aqui.
Estou aqui.
Aqui...

Ronaldo Rhusso

+++++

Olá, caro Ronaldo... Embora eu não participe com tanta frequência, tenho lido tudo o que é postado aqui.
No caso deste texto (com sua licença), gostaria de fazer uma pequena observação.
Pode ser que eu esteja enganado, mas ele se parece muito com uma CANTIGA DE AMIGO.
Cantiga de Amigo é coisa, lá do século XI, quando o Português ainda dava seus primeiros passos.

Tenho, nos últimos dois anos tentado APRENDER algo mais sobre esta forma poética, mas ela é tão vasta que, sozinho vai ser difícil evoluir.

Apenas por curiosidade, veja este link:

http://pt.wikisource.org/wiki/Categoria:Cantigas_de_amigo

Veja aqui, a análise da música "Vambora", de Adriana Calcanhoto:

http://www.recantodasletras.com.br/teorialiteraria/2421731

Só pra complicar um pouco mais a busca, veja o texto de Ricardo Sérgio "O Cansó e o Sirventês"

http://www.recantodasletras.com.br/teorialiteraria/1722646


Embora seja um pouco complicado tudo isso, espero ter contribuído com os colegas daqui deste espaço.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Seg 16 Maio 2011, 08:51

Esse é um espaço interessante, e, conforme acredito, pode contribuir bastante para o aprendizado e para o deleite de quem ama essa arte maravilhosa, amigo Fiore!

O que falta são mais contribuições como as tuas e de outros nomes que tive e tenho o prazer de ler nesses últimos anos.

Poetas vivos com uma capacidade incrível de transformar as palavras em verdadeiros cenários de beleza que acaricia a alma.

Quanto ao texto é de fato uma "Cantiga de Amigo".
Não posso me atrever a dizer que tem cores mais contemporâneas, mas certamente o ritmo imprimi com essa intenção.

Lembro bem das Cantigas de Amigo, de Escárnio e Mal dizer que estudei quando jovem nas aulas de Literatura do antigo segundo Grau, mas sou apenas um reprodutor dessas imagens que ficaram em minha mente e folgo com o fato de poder fazer essas tentativas.

Agradeço por essa interação e me rendo à tua sabedoria e generosidade em compartilhar conhecimento,

Ronaldo Rhusso



Fiore escreveu:
RONALDO RHUSSO escreveu:
Palavras pontes...

Essa distância é coisa de somenos, Prenda minha!
Não há saudade, perda, vazio ou hiato,
pois que estás dentro de mim!

Essa distância é coisa de somenos, Prenda minha!
Não há maldade, desterro, fuga, procura vã,
pois que estás dentro de mim!


Essa distância te assusta, desperta para a falta que me fazem asas fortes...
Mas estou aqui.
Estou aqui.
Aqui...

Ronaldo Rhusso

+++++

Olá, caro Ronaldo... Embora eu não participe com tanta frequência, tenho lido tudo o que é postado aqui.
No caso deste texto (com sua licença), gostaria de fazer uma pequena observação.
Pode ser que eu esteja enganado, mas ele se parece muito com uma CANTIGA DE AMIGO.
Cantiga de Amigo é coisa, lá do século XI, quando o Português ainda dava seus primeiros passos.

Tenho, nos últimos dois anos tentado APRENDER algo mais sobre esta forma poética, mas ela é tão vasta que, sozinho vai ser difícil evoluir.

Apenas por curiosidade, veja este link:

http://pt.wikisource.org/wiki/Categoria:Cantigas_de_amigo

Veja aqui, a análise da música "Vambora", de Adriana Calcanhoto:

http://www.recantodasletras.com.br/teorialiteraria/2421731

Só pra complicar um pouco mais a busca, veja o texto de Ricardo Sérgio "O Cansó e o Sirventês"

http://www.recantodasletras.com.br/teorialiteraria/1722646


Embora seja um pouco complicado tudo isso, espero ter contribuído com os colegas daqui deste espaço.


Última edição por RONALDO RHUSSO em Qui 05 Abr 2012, 23:07, editado 2 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Dom 22 Maio 2011, 22:30

Palavras pontes...

Essa distância é coisa de somenos, Prenda minha!
Não há saudade, perda, vazio ou hiato,
pois que estás dentro de mim!

Essa distância é coisa de somenos, Prenda minha!
Não há maldade, desterro, fuga, procura vã,
pois que estás dentro de mim!


Essa distância te assusta, desperta para a falta que me fazem asas fortes...
Mas estou aqui.
Estou aqui.
Aqui...


Borrifo no ar que é gélido
o sopro do amor que te sinto
e o canto que ora ouves desnuda o silêncio da aurora.

Ò aguardada em sonhos, não me sentes?
Não te renova a esperança esse meu gritar pro céu?

Guarida procuro em tu'alma e me espremo até sentir-me um nada
para esse mundo medonho,
para sentir-me firme só para ti.
Para ti.
Para
Ti...



Ronaldo Rhusso


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Seg 23 Maio 2011, 21:28

Mais nada

Hoje só vou dizer que, oprimido pelo cansaço,
desato os nós das derradeiras dúvidas
e aducho meu ser para guardar as amarras
e ficar a contrabordo de ti.

Hoje só vou dizer que te amo
e tua nau valorosa
escolta o meu porte
e me traz a paz necessária,
anelada...

Hoje só vou repetir:

Eu te amo!

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Ter 24 Maio 2011, 12:47

Expondo

Eu até poderia gostar da tristeza e se eu for mesmo bipolar, até gosto!
Mas sinto falta de rir um pouco,
De ver tua pele, assim lisinha...

Ah! Eu errei tudo que tinha e não tinha direito,
Troquei o interior do peito
E penso que agora é de pedra...
Mas deve ser de pedra frágil ou quase de areia...
Deve ser de uma rocha pouco dura...

Mas o que me depura e faz chorar
É essa saudade estonteante que me diz que ir avante é sorver vento e sonhar com o pretérito imperfeito.

Tenho recebido prêmios, louros que o tempo desgasta,
Mas se não tenho você é até crime usar palavras tristes para encantar juízes maleáveis...

Agora eu vou chorar mesmo porque a Depressão está vindo com força,
Mas vou para a Cachoeira da Escada e deixar a água gelada vilipendiar pele e alma.

Quando eu voltar, tiritando com esse frio,
Ainda irás estar em minha mente, mas não em meu colo
E vou ver meu pássaro azul dar o seu trinado alegre a zombar do que restou de mim.


Entanto garanto que canções não comporei mais;
Razões procurarei para esquecer.

Mas lembra a minha autoridade de anjo bom?

Ainda a usarei na intercessão pela tua vida e pela morte dessa dor.

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 28 Maio 2011, 22:01

E como!

A palavra é um perigo,
um abrigo
que persigo
renitente
feito ente
que doente
lá na alma
desentoa,
pois entende
que o que tende
a suceder
sucederá!

Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sab 28 Maio 2011, 22:43

Humanos...

Sei somar esforços,
multiplicar a esperança,
diminuir sofrimentos
e dividir meu melhor.


Entendo sofrimentos,
conheço a esperança,
domino o meu melhor
e jamais medi esforços!


O que eu não entendo,
não conheço,
não domino
e jamais relevarei
é a ingratidão...


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Sex 03 Jun 2011, 11:28

Quited

Na dúvida eu ultrapasso!
Não negarei o meu toque, pois o púlpito é sagrado e me constrange.

Na sede eu inda jejuo!
Não mais beberei de água fácil que se escoa n’outra encosta.

Na hora eu chorarei.
Choro fácil, choro leve, pois mninh’alma convulsiona só por dentro.

Nas letras não mais tropeço!
Quem quiser ser minha musa que espere a Eternidade e um outro tanto.


Ronaldo Rhusso
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
RONALDO RHUSSO

avatar

Mensagens : 1516
Data de inscrição : 15/11/2010
Idade : 48
Localização : Via Láctea

MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   Qua 15 Jun 2011, 20:52

A dor venceu de novo...

Ah! Hoje foi difícil desistir.
Fato é que me doeu na frágil alma...
Vir para casa assim, de farol baixo,
emudeceu o céu daqui da Terra...
Deixa estar, pois eu volto lá de novo!
O grito reprimido irá sair
e os anjos, co-parceiros, sorrirão!
Darão rasantes lindos de se ver
e almas tornarão o ser pra D'us!
Mas hoje foi difícil desistir...


Ronaldo Rhusso
Crying or Very sad
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário http://ronaldorhusso.wix.com/ronaldorhusso
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: Versos livres ou versos brancos   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
Versos livres ou versos brancos
Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 5 de 23Ir à página : Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6 ... 14 ... 23  Seguinte
 Tópicos similares
-
» Acidente Aqueduto das aguas livres em Lisboa
» Auditório
» MD-11 "FIRST FLIGHT" - Winglets refeitos, opiniões são benvindas!
» Olá!
» Criações Livres

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Descanso das Letras :: PRODUÇÃO LITERÁRIA :: Versos Brancos-
Ir para: